Canadá vive onda de frio extremo, e sensação térmica chega a -50ºC

Meteorologistas disseram que a onda de frio foi provocada por uma massa de ar polar vinda da Sibéria e frio deve seguir na região até o fim de semana

0
12

O oeste do Canadá enfrenta nesta quarta-feira (15) uma intensa onda de frio, com sensação térmica que chega a -50 graus Celsius, o que fez as companhias de energia divulgarem alertas sobre o consumo elevado na região.

Nas três províncias do oeste do país – Columbia Britânica, Alberta e Saskatchewan -, os termômetros registraram temperaturas de 30 graus Celsius abaixo de zero. A situação piora devido aos fortes ventos que acompanham o frio, jogando a sensação termina para -50ºC.

Meteorologistas disseram que a onda de frio foi provocada por uma massa de ar polar vinda da Sibéria. Ela deve seguir na região até o fim de semana, quando os termômetros voltarão a registrar temperaturas mais próximas a 0ºC nas três províncias.

O Serviço Meteorológico do Canadá alertou hoje que quase um terço do país está sob alerta de condições adversas pelas baixas temperaturas.

Em Alberta, a companhia que opera o sistema elétrico informou que o alto consumo para amenizar o frio congelante a obrigou a usar as reservas enérgicas para manter o abastecimento.

Para não provocar interrupções no serviço, a empresa pediu aos clientes corporativos que reduzissem o consumo de eletricidade na noite de ontem.

Em Edmonton, o frio provocou problemas no sistema de trens da cidade, causando atrasos no transporte público nas primeiras horas do dia. À noite, os termômetros na cidade marcaram -34ºC, um recorde para essa época do ano.

Nos últimos dias, 11 pessoas foram hospitalizadas em Edmonton por congelamentos em suas extremidades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, informe seu comentário
Por favor, informe seu nome aqui